Mosquitos

Rio de Janeiro, | RJ | Pragas Urbanas | Eliminar Mosquitos | Matar Mosquitos
Lampada dedetização
Aceitamos cartões visa e visa electron
Telefones Dedetizadora | 3559-7300 ou 7861-7527
Bayer

Pular para o conteúdo do site

Dedetização de Mosquitos

MosquitosEstes insetos representam o grupo melhor estudado em Saúde Pública e mais conhecido no meio acadêmico.

Os mosquitos alimentam-se de seiva de plantas. Somente as fêmeas picam, por necessitar de sangue para a maturação de seus ovos. Por esta razão, os mosquitos são vistos como grandes vilões da natureza, em conseqüência do grande número de doenças transmitidas direta ou indiretamente ao homem.

Algumas espécies de mosquitos destacam-se pela importância em Saúde Pública, transmitindo doenças como: a febre amarela, dengue, malária, alguns tipos de encefalites, filariose, e sendo consideradas também, indicadoras da decadência ambiental pela capacidade de proliferação em contenções líquidas provenientes da precariedade de condições básicas de saneamento.

O pernilongo comum (Culex quinquefasciatus) representa uma destas espécies. São mosquitos com hábitos crepusculares ou noturnos, incomodando o sono, perturbando ou mesmo estressando pessoas em seus locais de trabalho ou em momentos de lazer. Esta espécie de mosquito tem grande importância social, pois interfere diretamente na produtividade, podendo acarretar, inclusive acidentes de trabalho.

Sua presença na área urbana é motivada pelas retenções de água poluída em valas, córregos, rios, rede de esgoto e do sistema de drenagem pluvial. O Aedes aegypti e o Aedes albopictus são as espécies de mosquitos diurnas com expressiva importância médica. Sua presença no meio urbano é incentivada pelo descompromisso humano em manter no ambiente, uma grande e variada disponibilidade de pequenos recipientes artificiais com água limpa retida, que permitem o desenvolvimento das formas jovens.

Ciclo evolutivo do mosquito

ciclo evolutivo do mosquito

A. aegypti Os ovos são distribuídos

Uma fêmea do A. aegypti pode dar origem a 1.500 mosquitos durante sua vida. Os ovos são distribuídos por diversos criadouros, estratégia que garante a dispersão e preservação da espécie. Na imagem, o A. aegypti em fase de pupa.

Combate e Controle

combate e controlelocal de infestação

Aplicação de larvicida

  • Inspeção é o primeiro passo, nesta deve-se avaliar o grau, tipo e local de infestação.
  • Após a inspeção, começar a aplicação pela pulverização com a atomizadora a gasolina tanto na parte interna como na parte externa. Essa aplicação visa atingir partes que a pulverização normal não atinge.
  • Aplicação de larvicida em pontos de infestação, tais como: vasos de planta, pneus, plantas, latões, etc.
  • As aplicações só poderão ser executadas ao amanhecer ou no final da tarde, devido ao período de atividade dos mosquitos.
  • É importante ressaltar que o ciclo de vida dos voadores é muito rápido e externo (poças de água, cisternas, vasos, pneus, etc.), por tanto o controle é mais difícil.

Entre em contato, e descreva seus problemas com os Mosquitos

  • Nome.:
  • Tel . :
  • E-mail.:
  • Como conheceu o site?
  • Mensagem

Cidade onde a pestcontroll conseguiu eliminar Mosquitos

  • Angra dos Reis
  • Aperibe
  • Araruama
  • Areal
  • Armacao de Buzios
  • Arraial do Cabo
  • Barra Mansa
  • Belford Roxo
  • Bom Jardim
  • Bom Jesus do Itabapoana
  • Cabo Frio
  • Cachoeiras de Macacu
  • Cambuci
  • Campos dos Goytacazes
  • Cantagalo
  • Carapebus
  • Cardoso Moreira
  • Carmo
  • Casimiro de Abreu
  • Comendador Levy Gasparian
  • Conceicao de Macabu
  • Cordeiro
  • Duas Barras
  • Duque de Caxias
  • Engenheiro Paulo de Frontin
  • Guapimirim
  • Iguaba Grande
  • Itaborai
  • Itaguai
  • Italva
  • Itaocara
  • Itaperuna
  • Itatiaia
  • Japeri
  • Laje do Muriae
  • Macae
  • Macuco
  • Mage
  • Mangaratiba
  • Marica
  • Mendes
  • Miguel Pereira
  • Miracema
  • Natividade
  • Nilopolis
  • Niteroi
  • Nova Friburgo
  • Nova Iguacu
  • Paracambi
  • Paraiba do Sul
  • Parati
  • Paty do Alferes
  • Petropolis
  • Pinheiral
  • Pirai
  • Porciuncula
  • Porto Real
  • Quatis
  • Queimados
  • Quissama
  • Resende
  • Rio Bonito
  • Rio Claro
  • Rio das Flores
  • Rio das Ostras
  • Rio de Janeiro
  • Santa Maria Madalena
  • Santo Antonio de Padua
  • Sao Fidelis
  • Sao Francisco de Itabapoana
  • Sao Goncalo
  • Sao Joao da Barra
  • Sao Joao de Meriti
  • Sao Jose de Uba
  • Sao Jose do Vale do Rio Preto
  • Sao Pedro da Aldeia
  • Sao Sebastiao do Alto
  • Sapucaia
  • Saquarema
  • Seropedica
  • Silva Jardim
  • Sumidouro
  • Tangua
  • Teresopolis
  • Trajano de Morais
  • Tres Rios
  • Valenca
  • Varre-Sai
  • Vassouras
  • Volta Redonda
  • Rio de Janeiro
  • RJ
O que você precisa saber para eliminar Mosquitos
Para controlar a população de mosquitos é necessário evitar os criadouros. Há medidas no âmbito do poder público e medidas referentes a população. Por conta do município fica a supervisão e tratamento de galerias de águas pluviais, redes de esgoto, valetas, obras em construção e cemitérios.
A participação da população consiste em:
Não deixar água parada exposta, limpa ou suja, em quaisquer recipientes como: caixas d'água, latas, garrafas, jarros, copos, pneus, pratos de vasos, tambores, fossas, valetas e piscinas sem tratamento.
Não jogar materiais inservíveis em córregos, obstruindo-os, pois a água fica parada e pode servir de criadouro para os mosquitos.
Colocar areia grossa nos pratos de vasos de plantas, evitando que este se torne um criadouro.
Acondicionamento correto dos alimentos (em potes ou latas bem fechadas).
Vedar caixas d'água.
Não jogar materiais inservíveis em terrenos, pois podem acumular água da chuva e servir de criadouro para os mosquitos.

Confira outras pragas urbanas

Navegue pelo site